INTELIGÊNCIA ORGANIZACIONAL: UMA VISÃO SETORIAL

Informações adicionais

  • Autor: Müller, Rodrigo
  • Nome completo: RODRIGO MÜLLER
  • Data de defesa: Quinta, 21 Fevereiro 2013
  • Imprenta: 2013, UFPR, Curitiba-PR
  • Orientador: Dr. Newton Corrêa de Castilho Jr.
  • Banca examinadora: Presidente: Dr. Newton Corrêa de Castilho Jr. Membro: Dra. Helena de Fátima Nunes Silva. Membro: Dr. Hélio Gomes de Carvalho.
  • Resumo:

     

    Apresenta a Inteligência Organizacional (IO) como disciplina para o desenvolvimento e fortalecimento de empresas em mercados cada vez mais competitivos. Encontrada na literatura sob duas perspectivas – processo e produto –, neste estudo a IO foi abordada sob a perspectiva de processo, apresentada por Matsuda (1992; 1993) e Choo (1998), de forma que ambos os autores apresentam um grupo de atividades que se desenvolvidas conjuntamente pode contribuir para o alcance da IO nas empresas. Objetiva investigar a utilização dos conceitos de Inteligência Organizacional por organizações hospitalares da cidade de Curitiba, PR., consideradas referência em sua área de atuação. Aplicou-se uma pesquisa exploratória em duas Instituições de Saúde na cidade de Curitiba, PR., buscando introduzir o tema em um contexto contemporâneo, além de oferecer maior clareza em relação aos seus conceitos. A coleta de dados foi dividida em três momentos distintos, sendo estes entrevistas semi-estruturadas realizadas com personagens-chave nas organizações em estudo, observações diretas nos momentos das visitas e coleta de dados nas homepages e em documentos internos disponibilizados pelas instituições participantes. Os resultados alcançados apontaram que as organizações hospitalares participantes desenvolvem ações de IO em suas agendas, porém sem uma programação integrada dessas atividades. Desta forma, com base nos resultados obtidos pela pesquisa de campo, foi possível identificar as principais ações de IO desenvolvidas dentro dessas organizações. Ao final dos trabalhos, foi possível perceber que a Inteligência Organizacional é uma disciplina integradora, que proporciona uma reunião de saberes das áreas de administração e gestão da informação, atuando como elo entre outras atividades e disciplinas já consagradas, além de sagrar-se como uma das novas tendências em gestão de empresas. Acredita-se que o desenvolvimento de tais ações de maneira conjunta e integrada pode proporcionar às empresas um maior potencial de alcance da IO, e consequentemente da sobrevivência empresarial em mercados cada vez mais competitivos e complexos. Por fim, com base em dados da pesquisa, foi possível construir uma estrutura de referência de Inteligência Organizacional para as Instituições de Saúde, contando com ações e principais elementos organizacionais que podem influenciar neste processo.

  • Palavras-chave: Inteligência Organizacional; Recursos Organizacionais; Organizações Inteligentes; Adaptação Estratégica; Organizações Hospitalares.
  • Abstract:

     

    Presents Organizational Intelligence (OI) as a discipline for the development and strengthening of companies in increasingly competitive markets. Founded in the literature under two perspectives - process and product -, in this study the OI was approached from the process perspective, presented by Matsuda (1992, 1993) and Choo (1998), in a way that both authors present a group of activities that if developed jointly can contribute to the achievement of OI in the companies. Aims to investigate the usage of Organizational Intelligence concepts by two reference Health Institutions in the city of Curitiba, Brazil. It was applied an exploratory study in two health institutions in the city of Curitiba, Brazil, seeking to introduce the subject in a contemporary context, while offering greater clarity regarding to their concepts. Data collection was conducted through semi-structured interviews with key-figures in the organizations under study, as well as direct observations in the visiting moments and collecting data in the homepages and internal documents provided by participating institutions. The results indicated that the participating companies are developing OI actions in their agendas, but without having an integrated programming over these activities. Thus, based on the results obtained by fieldwork, it was possible to identify key actions of OI developed within these organizations. In the end of all, it was possible to understand that the Organizational Intelligence is an integrative discipline that provides a gathering of knowledge in the areas of management and information management, acting as a link between other activities and disciplines already established, besides consecrating itself as a new trend in business management. The development of such shares in an integrated way can supply companies with a greater potential for its range on OI and hence, better business survival in markets that are increasingly complex and competitive. Finally, based on the research data, it was possible to construct a frame of reference of Organizational Intelligence for Health Care Institutions, with major actions and organizational elements that can influence this process.

  • Keywords: Organizational Intelligence. Organizational Learning. Organizational Resources. Strategic Adaptation. Intelligent Organizations. Health Institutions.
Ler 3799 vezes

Curta nossa Fan Page

Linguagem do site

 

Fale conosco: (41) 3360-4191
Localização:Localização através do Gogle Maps  
  • Facebook do Mestrado PPGCGTI
  • Twitter: PPGCGTI
© 2013 Francisco Soares - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Sociais Aplicadas, Campus III, Jardim Botânico - Curitiba - Paraná - Brasil.