PROPOSTA DE UMA METODOLOGIA DE CRIAÇÃO DE SIGNIFICADOS A PARTIR DA UTILIZAÇÃO DA LINGUAGEM VISUAL EM ORGANIZAÇÕES QUE INTEGRAM REDES DE VALOR

Informações adicionais

  • Autor: Ribeiro, Maxiliano
  • Nome completo: MAXILIANO RIBEIRO
  • Data de defesa: Quarta, 30 Março 2011
  • Imprenta: 2011, UFPR, Curitiba-PR
  • Orientador: Dr. Edelvino Razzolini Filho
  • Banca examinadora: Presidente: Dr. Edelvino Razzolini Filho. Membro: Dra. Leilah Santiago Bufrem. Membro: Dr. Ulf Gregor Baranow.
  • Resumo:

     

    Nesta dissertação investiga-se a possibilidade do uso de uma metodologia de criação de significados a partir da utilização da linguagem visual em organizações que integram redes de valor. Primeiramente, buscou-se identificar na literatura os processos que levam as organizações a criar e gerar significados às suas informações e analisar como a linguagem visual pode contribuir para a criação e geração de significados. A partir desse entendimento é apresentada a facilitação gráfica, metodologia que concatena informações e mensagens visuais como forma para criar e gerar significados para as informações nas organizações. A pesquisa, delineada como bibliográfica, documental e pesquisa-ação, foi aplicada no Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial do Paraná, Departamento Regional – SENAI DR, em duas áreas funcionais: SENAI Educação Profissional e Empresas. Durante a realização da pesquisa-ação foi proposta a linguagem visual com o intuito de analisar a possibilidade de sua utilização como elemento para a criação e geração de significados com a utilização da facilitação gráfica, sendo essa aplicada em mapas de processos do SENAI DR, que originaram painéis gráficos referentes às atividades das áreas estudadas. Como resultado observou-se que a utilização da linguagem visual, aliada à facilitação gráfica, pode auxiliar as organizações a criarem contextos interpretados e que de forma simples e direta possibilita a interpretação de informações. A partir desse ambiente interpretado, podem-se gerar novos entendimentos para as informações e, assim, criar novos contextos organizacionais. A metodologia proposta para criar e gerar significados em organizações que integram redes de valor pode ser uma ferramenta facilitadora desse processo, sendo pautada por três etapas: interpretação, seleção e retenção. É colocada em prática pela facilitação gráfica e tem como base o processo de criação de significados em organizações alinhado às características e aos elementos da linguagem visual.

  • Palavras-chave: Criação de significados. Facilitação gráfica. Linguagem visual. Redes de valor.
  • Abstract:

     

    This dissertation looks into the possibility of using a methodology of creating meanings from the use of visual language in organizations which integrate value networks. To start with, we sought to identify in books, the processes that cause organizations to create and generate meanings to their information and analyze how visual language can contribute to the creation and generation of meanings. graph facilitation, a methodology that links information and visual messages as a way to create and generate meanings for information in organizations, is provided from this point of view. The research, outlined as bibliographical, documentary and action research, has been applied in the National Service for Industrial Apprenticeship of Parana, Regional Department – SENAI-DR, in two functional areas: SENAI – Professional Education and Business. While the research-action was undertaken, a visual language was proposed in order to examine the possibility of its use as input for the creation and generation of meanings with the use of graphic facilitation, which were applied in SENAI- DR’s process maps, which originated graphic panels relating the activities of the areas studied. As a result, it has been found that the use of visual language, combined graphic facilitation, can help organizations create interpreted contexts in a way that allows straightforward interpretation of information. On the light of this interpreted scenario, new insights for the information can be generated and thus create new organizational contexts. The proposed methodology, the final result of this work, might be a useful tool in the process of creating and generating meanings in organizations which integrate value networks. It is put into practice by graphic facilitations and is based on the process of creating meanings in organizations aligned to the features and elements of visual language.

  • Keywords: Creating meanings. Graphic facilitation. Visual language. Value networks.
Ler 2449 vezes

Curta nossa Fan Page

Linguagem do site

 

Fale conosco: (41) 3360-4191
Localização:Localização através do Gogle Maps  
  • Facebook do Mestrado PPGCGTI
  • Twitter: PPGCGTI
© 2013 Francisco Soares - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Sociais Aplicadas, Campus III, Jardim Botânico - Curitiba - Paraná - Brasil.